Consórcio automotivo: dicas valiosas para quem deseja usar sua carta de crédito.

Acompanhe informações importantes para otimizar seus investimentos

Muitas pessoas na hora de comprar um imóvel, um terreno, um ponto comercial, ou uma moto, e até mesmo um carro seja ele mais tradicional como um Gol  ou até mesmo veículos mais ousados que estão no mercado, acabam optando pelo consócio para realizar seu sonho. Ao se tornarem consorciados passam a pagar parcelas mensalmente, em um determinado prazo escolhido. Os mesmos participam de assembleias, nas quais poderão ser contemplados com a carta de crédito antes mesmo de quitar sua cota.
Apesar da carta de crédito ser muito esperada pelos consorciados, muitas pessoas têm dúvidas sobre o que é e como utilizá-la.

O que é a carta de crédito e como utilizá-la?

Se você é um consorciado e foi comtemplado em um sorteio, ou ao dar um lance maior que os demais consorciados, para poder adquirir seu bem, você vai receber uma carta de crédito no valor escolhido no momento em que você contratou o consórcio. Este é um método muito seguro, por que apenas a pessoa contemplada pode usar a carta de crédito no valor que recebeu. Ao receber sua carta de crédito, não serão cobradas taxas nem impostos sobre o valor recebido, como se cobra em uma transferência tradicional, o que garante seu poder de compra. Além disso você irá encontrar muita facilidade para realizar sua compra, uma vez que sua carta de crédito poderá ser utilizada como um pagamento à vista, e o vendedor não terá nenhum prejuízo sabendo que em breve receberá o valor do produto vendido.
A carta de crédito tem finalidade exclusiva, ou seja, se você fez um consórcio automotivo só poderá adquirir automóveis, utilitários, caminhões e outros veículos automotores, novos e usados (até 03 anos de uso a contar da data da fabricação).
Se optar por um consórcio de imóvel só poderá adquirir um imóvel residencial, (casa ou apartamento), novo, usado ou na planta, um imóvel comercial, terreno, ou ainda para construção ou reforma de um imóvel que já possui.

 

Para receber sua carta de crédito

Após a contemplação o consorciado receberá um comunicado da administradora solicitando o pagamento de seu lance, para poder assim receber a carta de crédito. Além disso o contemplado só receberá sua carta se estiver com todas as mensalidades em dia.
Em seguida deverá apresentar todos os documentos necessários exigidos pela administradora que passarão por uma análise de crédito, durante esse período o contemplado deverá continuar pagando as mensalidades para mantê-las em dia.
Apresentamos a seguir algumas dicas de como usar uma carta de crédito.

1 Comprar um imóvel

Com a carta de crédito de um consócio imobiliário você pode comprar a casa ou apartamento tão almejado. Com ela, você consegue escolher um imóvel de acordo com o valor do investimento, seja ele novo, usado ou um terreno.
A compra desse imóvel não precisa ser necessariamente para você morar, você pode comprar e alugar, seja de uma unidade comercial ou residencial.

2 Quer comprar um carro

 Basta ter sua carta de crédito nas mãos e entrar na concessionária autorizada e escolher o modelo que lhe agrada se seu sonho é ter um Honda Civic não se preocupe você poderá telo, é apenas necessário que o local esteja de acordo com as normas estabelecidas pelas administradoras.
Mas se você escolher um veículo com valor acima do de sua carta, poderá completar o valor, ou ainda se for inferior ao da carta, você pode usar o que sobrou para quitar despesas como IPVA, seguro ou emplacamento.

 

3 Você pode quitar suas dívidas

Geralmente os consórcios são usados especificamente para comprar um imóvel ou um automóvel, mas como este é um meio de arrecadar fundos, você tem a possibilidade de resgatar a carta de crédito e, assim, utilizar o dinheiro para quitar alguma dívida.

 4 Pagamento de financiamentos

Se você tem financiamentos bancários em aberto, e quer quitar, por que as taxas de juros estão muito elevadas. Entre em contato com a administradora do consórcio para receber uma autorização, e liberação de sua carta de crédito. Mas o valor do financiamento a ser quitado deve ser menor do que o da carta de crédito.

5 Resgate o dinheiro

Ao ser contemplado no consórcio, o cotista não recebe o bem diretamente nem o dinheiro investido, mas sim a carta de crédito. O cotista tem a possibilidade de resgatar o valor em dinheiro, basta seguir algumas regras. Dentre elas: esperar 180 dias após a contemplação e, ao receber a quantia, pagar as parcelas que ainda estavam em aberto. O cotista pode efetuar o resgate ao final do consórcio. Nesse caso, o tempo de espera é de 60 dias.

6  Você pode vender sua carta de crédito contemplada

O cotista tem a possibilidade de vender sua carta de crédito para outros, desde que tenha sido autorizado na assinatura do contrato com a administradora do consócio. No entanto o cotista deve estar consciente de que ainda será preciso continuar pagando a sua cota mensal do consórcio e o cálculo do valor de venda.

7  Carro seminovo

Após ser contemplado com sua carta de crédito, você também pode procurar uma loja de carros usados, e comprar um veículo no valor inferior à sua carta de crédito e usar o resto do dinheiro para o restante dos gastos. Mas é preciso ter cuidado na hora de escolher a loja e o automóvel, certifique-se sobre como essa empresa é vista no mercado e procure a opinião de quem já comprou no mesmo local se eles ficaram satisfeitos com o atendimento e a qualidade dos veículos, ao utilizar a sua carta de crédito dessa forma você irá possuir um veículo que sempre sonhou além de economizar.

Com essas dicas você irá utilizar da melhor forma possível sua carta de crédito, não deixe de aproveitar essas oportunidades que o consórcio pode lhe proporcionar. E se você gostou dessas dicas compartilhe em suas redes sociais para que mais pessoas possam ver e saber sobre os benefícios do consórcio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *